Palácios russos: Palácio de Catarina em Tsárskoye Seló

Felizmente a sequência de soberanos da Rússia nos brindou com outro palácio imperdível de ser visitado: o Palácio de Catarina, também conhecido como Tsárskoye Seló (que significa Aldeia do Czar). Localizado nas cercanias de São Petersburgo (cerca de 25km) na aldeia Pushkin, a região é tranquila e repleta de casas de veraneio e sítios de finais de semana.

palacio

A história de Tsárkoye Seló remonta do tempo em que esse pedaço de terra estava ocupado pelos suecos em meados do século XVII, as terras foram retomadas pela Rússia sob o reinado de Pedro, o Grande, durante a Grande Guerra do Norte (1711-1721) e em seguida foram denominadas como Tsárkoye Seló (a aldeia do Czar). Foi nesse período (1711) que uma simples casa de campo para o casal de monarcas, Pedro I e Catarina I e começou a ser construída. Em 1724 a construção já contava com alguns aposentos em alvenaria. Na mesma época a região próxima ao palácio passou a contar com diversas casas que se tornaram moradia da corte.

Com a morte de Catarina I, sua filha Elisabeth Petrovna erdou Tsárkoye Seló ao assumir como imperatriz da Rússia. Elisabeth tratou de remodelar a então casa de campo de seus pais, para preservar a memória de sua mãe a parte central da edificação foi preservada e agregada a ela uma nova ala totalmente construída no melhor estilo Barroco Russo. Obra do arquiteto italiano Bartolomeo Francesco Rastrelli que trabalhou entre os anos 1748-1756. Foi com Elisabeth que palácio idealizado por sua mãe atingiu seu esplendor, foram construídos pequenos pavilhões e projetados os belíssimos jardins. O então Palácio de Catarina passou a ter nada mais nada menos que 740 metros de comprimento!

Catherine_Palace,_Tsarskoye_Selo

O contraste entre o azul, branco e dourado presente em toda fachada

Podemos encontrar ao longo do parque cerca de 100 monumentos históricos espalhados pela área de 300 hectares, no verão o ideal é dedicar um dia e se deliciar nos jardins fazendo piqueniques e tirando lindas fotos. Os estilos dos monumentos são dos mais variados e se inspiram na arquitetura gótica, turca e até chinesa.

 

771_1427x947_Palacio de Catarina

Durante o tour da visita ao palácio podemos ver as fotos de seu estado durante a Segunda Guerra no cerco de Leningrado, é de admirar que hoje possamos visita-lo pois foram poucas as paredes que ficaram em pé. Foram 28 meses de ocupação alemã, que arruinaram a maioria das salas. A reconstrução e restauração foram iniciadas em 1950 e levaram cerca de 50 anos para recuperar o conjunto, um trabalho absolutamente minucioso e inacreditável quando visitamos o palácio.

788_947x1427_Palacio de Catarina

Fotos da época de como o palácio ficou após a desocupação dos alemães

792_1427x947_Palacio de Catarina

789_1427x947_Palacio de Catarina

Dentre as salas a mais famosa e realmente deslumbrante é a Sala de Âmbar, um dos aposentos quase totalmente revestido em…âmbar! O mineral extremamente valioso foi presente do então imperador da Prússia Frederico I ao imperador Pedro, o Grande para que fosse utilizado na decoração de seu aposento em seu terceiro palácio de inverno. Em 1755 durante as obras de Rastrelli a sala foi trazida para o palácio de Catarina. Durante o período da Primeira Guerra Mundial os painéis foram roubados pelos alemães quando estes invadiram Stalingrado em 1941. Passado um tempo foram encontrados em um castelo nas proximidades do mar Báltico e novamente sumiram…muitas questões ficaram em aberto a respeito do desaparecimento dos painéis. Até hoje nada foi comprovado, o governo alemão assumiu a responsabilidade e a sala que visitamos é na verdade uma cópia da antiga.

1024px-Bernsteinzimmer06

744_1427x947_Palacio de Catarina

O trabalho nos pisos é uma loucura

A grande maioria das salas de Tsárkoye Seló é em estilo Barroco, com direito a muito dourado, espelhos e uma profusão de esculturas entalhadas em madeira.

Russia 667

764_1427x947_Palacio de Catarina

O estilo Neo-clássico aparece em algumas salas, como no salão verde decorado com motivos da Roma antiga.

Palacio de Catarina_salao verde

Para afastar o frio as estufas em cerâmica azul, no melhor estilo holandês, podem ser vistas em diversos cômodos.

Russia 670 040

751_947x1427_Palacio de Catarina

Em diversos aposentos encontramos mesas montadas com porcelanas lindíssimas, tal como era utilizado na época.

Russia 670 047

Russia 670 041

Russia 670 051

O site do Palácio possui versão em inglês (aqui).

Para chegar lá se pode contratar tours, nas minhas pesquisas encontrei no guia da Frommer’s duas empresas russas que oferecem esse serviço Davranov Travel e Frigate Tours. A outra opção é ir por conta própria, durante os meses de verão (maio à setembro) dá para ir de Metroil que parte do pier em frente ao Palácio de Inverno. Há ônibus que saem em frente à estação de metro Nevsky Prospekt, a viagem leva cerca de 40min e custa 500 Rublos ida e volta. Os trens suburbanos também levam até lá (chamados de elektrichka), saem da estação Vitebsk em direção Tsarskoye Selo,essa opção requer algum entendimento de cirílico para não perder a parada. A viagem leva cerca de 45min e a grande atração é a estação de Tsarskoye Selo em estilo art noveau, da estação até o palácio são mais uns 15min de caminhada ou então pegue o ônibus 371 ou 382. Leve um mapa! 😉

Vale a mesma dica dada para a visita à Peterhof, chegue cedo pois o palácio é ponto certo de visita dos navios que chegam lotados de turistas.

Anúncios
Esse post foi publicado em Rússia, São Petersburgo e marcado , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Palácios russos: Palácio de Catarina em Tsárskoye Seló

  1. Eloisa Enck Goncalves disse:

    Amanda, tenho lido teus post e adorado. Este Palácio é realmente maravilhoso e pegamos um dia lindíssimo qdo estivemos lá. Continua viajando e dando dicas!!!Beijos, Eloisa

  2. Amanda Roth disse:

    Oi Eloísa! Que retorno gostoso esse teu, fico muito feliz que estejas gostando dos posts. Infelizmente não tivemos tanta sorte de pegar um dia bom, tuas fotos devem ter ficado belíssimas! Muito obrigada pela visita, seja sempre bem-vinda 😉
    Bjs!

  3. Pingback: Roteiro Moscou–São Petersburgo (8 dias) | Arquitetando Rotas

Dê vida ao Arquitetando Rotas, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s