Inhotim: o jardim-museu, brasileiro!

Eu já tinha lido algumas reportagens em revistas de viagens sobre  Inhotim que tinham me deixado bastante interessada. Agora que já fui, posso dizer com certeza que quem vai à BH não deve deixar de visitar essa jóia brasileira.

Imagem

Imagem

Para quem nunca ouviu falar, Inhotim é uma mistura de jardim botânico com museu de arte contemporânea, a céu aberto. O Instituto Inhotim, fica em Brumadinho à 60km de Belo Horizonte. O projeto foi Idealizado pelo empresário mineiro Bernardo Paz em meados da década de 1980, o qual convidou o renomado paisagista Burle Marx a fazer algumas sugestões e colaborações para os jardins. Atualmente o Instituto conta com uma área de 100 hectares (mapa), onde estão dispostos muitos jardins coloridos e aromáticos que criam uma atmosfera muito especial ao visitante, em meio aos jardins obras de artistas contemporâneos como: Tunga, Cildo Meireles, Helio Oiticica e a ex-esposa do mentor , Adriana Varejão.

Imagem

Algumas obras estão em pavilhões e galerias, construídos especialmente para abrigar as obras de determinados artistas brasileiros e estrangeiros. O foco é sempre a arte contemporânea produzida a partir dos anos 1960 até os dias de hoje, o acervo abrange  escultura, instalação, pintura, desenho, fotografia, filme e vídeo.

Imagem

Um grande diferencial de Inhotim é o fato de muitas dessas instalações permanentes terem sido feitas dentro do conceito site-specific. Ou seja, quando os artistas são convidados, eles desenvolvem projetos especialmente para o Instituto, levando em conta características  naturais e culturais do local. Esse conceito exige um esforço e diálogo conjunto de artistas, curadores, arquitetos, paisagistas, produtores e outros técnicos envolvidos.

Imagem

O tempo mínimo necessário para visitar é de um dia, pode se fazer os caminhos sugeridos a pé (eu fiz), mas aconselho a comprar o ticket que dá direito a utilizar os carrinhos de golf que circulam por toda área pois o local é muito grande mesmo e as obras ficam bem distantes umas das outras. No site é possível ver os dias e horários em que são realizadas visitas temáticas (ambiental e arte).

Há uma boa infra-estrutura de lanchonetes e restaurantes, além de vários recantos possíveis de se fazer um pic-nic!

Dicas úteis: ir com calçado e roupas confortáveis, passar protetor solar, levar um boné/chapéu e uma garrafinha de água 🙂

Inhotim

Rua B, 20, Inhotim, Brumadinho, MG, Brasil / +55 31 3571.9700  info@inhotim.org.br

Horário: Terça, Quarta, Quinta e Sexta 9:30 às 16:30. Aos Sábados, Domingos e feriados de 9:30 às 17:30.

Anúncios
Esse post foi publicado em Inhotim, Minas Gerais e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Inhotim: o jardim-museu, brasileiro!

  1. Lu Malheiros disse:

    Amanda,
    Gostei do post! Espero que você continue com o blog
    Um abraço

  2. Amanda Roth disse:

    Lu,
    muito obrigada pela visita!
    Vou continuar sim, já está saindo post novo =))
    Bjs!

  3. cynthia disse:

    otimo post, mas segundo a adm do Inhotim não é permitido fazer picnic (não sei se mesmo assim alguém faz, ainda não visitei… ;/)

  4. Amanda Roth disse:

    Ihh, é mesmo Cynthia?! Poxa que pena, o lugar pede um pic nic!

Dê vida ao Arquitetando Rotas, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s